Início
Tecnologia
Saúde
Negócios
Variedades
 
Contato
Indique
Incluir Notícia
Imagens em Destaque
Segunda-Feira, 27 de Setembro de 2021
 
...
...

Sexo na água: uma ginecologista esclarece se é seguro - 14/09/21

Indique - Contato - Compartilhar:


A ideia do sexo debaixo do chuveiro, na banheira ou piscina pode ascender desejos e mexer com fetiches. Mas, será que ter contato íntimo na água é o mais adequado, será que faz mal? Continue lendo e descubra o que a ginecologista Amy Roskin declarou sobre o assunto a uma revista de bem-estar nos Estados Unidos.

Sexo na água

Apesar da ideia parecer sexy, na vida real não funciona tão bem. A água do chuveiro ou banheira acaba lavando a lubrificação natural da vagina. Desta forma, pode aumentar fricção e causar machucados internos.

Além disso, existe o risco de ocorrer infecção, já que a pele estará machucada e a água pode ter micróbios. Esse é o grande problema de lagos e mar, por isso não é recomendado fazer sexo dentro da água nesses locais.

Essa mesma indicação acaba valendo para banheiras e piscinas. Sem contar que fazer sexo dentro da água não tira a possibilidade de uma gravidez ou contrair IST.

Mitos

O cloro da água de piscinas não mata espermatozoides ou micróbios relacionados a doença sexualmente transmissíveis. A temperatura da água também não influencia.

Segundo a ginecologista Roskin, como há mais fricção no sexo dentro da água, a mulher fica mais suscetível a contrair alguma doença. Por isso, ela recomenda que as pessoas usem camisinha.

Para quem quer tentar sexo na água para realizar uma fantasia ou apenas gosta do clima relaxante da água, existem algumas dicas para deixar o ato seguro.

Use camisinha e lubrificante

A camisinha não deve ser dispensada, pois o fato de a penetração ocorrer debaixo da água não deixa a relação segura. Para proteger de gravidez indesejada e ISTs, a camisinha continua essencial.

A dica é escolher camisinhas de látex que seguram bem embaixo da água, além de adotar um método contraceptivo extra, já que o risco da camisinha estourar com a fricção dentro da água existe.

Para a camisinha de látex, o lubrificante ideal será um a base de silicone. Ele é resistente na água e deixará a penetração mais fácil e confortável.

Os lubrificantes a base de óleo não são recomendados, pois esse produto enfraquece o látex da camisinha deixando suscetível a rompimentos.

Agora, se está preocupada/o com a limpeza da água, você pode deixar as preliminares para quando estiver na água e terminar o contato na cama. Desta forma, não haverá o risco da água entrar em contato com as partes íntimas durante a penetração.



~~ Sobre a Litoral Moda Íntima ~~

Há mais de 10 anos no mercado, a Litoral Moda Íntima trabalha todos os dias para ser a melhor empresa para você! Oferecendo produtos de alta qualidade com preços acessíveis.

Gostou? Quer saber mais? Acesse: http://www.litoralmodaintima.com.br



Indique esta notícia:
Seu nome

Seu e-mail

Nome indicado

E-mails dos indicados (separados por vírgulas)

Mensagem (opcional)

Reproduza na caixa de texto, o código anti-spam abaixo



  
Entre em Contato com o responsável pela notícia:
Seu nome

Seu e-mail

Mensagem

Reproduza na caixa de texto, o código anti-spam abaixo



  
Voltar
Agenda

Copyright © 2008 JORNOW. Todos os direitos reservados