Início
Tecnologia
Saúde
Negócios
Variedades
 
Contato
Indique
Incluir Notícia
Imagens em Destaque
Domingo, 18 de Abril de 2021
 
Alejandro Morán, sócio responsável pelos mercados de Seguros e de Saúde da everis Brasil
Alejandro Morán, sócio responsável pelos mercados de Seguros e de Saúde da everis Brasil

Setor de saúde discutirá sua transformação digital na Digital Health Conference - 26/02/21

Indique - Contato - Compartilhar:



Promovido pela everis Brasil, o evento latino-americano on-line visa promover a discussão com todos os elos da cadeia de saúde sobre a transformação digital do setor, seus avanços, desafios e oportunidades. Para isso, reúne executivos das principais empresas e instituições do setor e especialistas da everis e da NTT DATA no Brasil e no exterior
Nos últimos anos, o setor tem saúde tem investido intensamente na evolução de seus sistemas de saúde com a adoção de inovações científicas e tecnológicas, bem como pelo aperfeiçoamento da gestão administrativa e operacional, para atender às mudanças culturais dos pacientes e da sociedade. Com forte atuação junto ao setor, a everis, consultoria de negócios e TI, e a NTT Data decidiram promover, na próxima semana (de 2 a 4 de março) a Digital Health Conferece , evento latino-americano, totalmente on-line, no qual serão discutidas as transformações do cenário atual e seus aprendizados. As inscrições estão abertas até 1º de março, no link: http://www.digitalhealthconference.com.br/ .
A primeira conferência digital da everis dedicada especificamente ao setor de saúde reunirá representantes de instituições e empresas que são referências no mercado nacional, como ANVISA, Universidade de São Paulo (USP), Rede D’Or, Sharecare, entre outras, bem como internacionais, como Ministério da Saúde de Córdoba, Hospital Universitário Virgen del Rocio e Hospital Geral Universitário de Elda, etc.
\"O setor de saúde é um dos principais focos de atuação da everis e da NTT Data em todo o mundo, o que nos permitiu participar dos mais diversos projetos de transformação digital em hospitais e instituições públicas e privadas de saúde. Diante do cenário atual, decidimos que era fundamental realizar um evento para viabilizar um diálogo com o mercado e a sociedade sobre os avanços alcançados e novas propostas para dar continuidade a esse processo evolutivo\", afirma Aléx Morán, sócio global da everis responsável pelos setores de Saúde, Seguros e Público.
Programação do evento
O painel de abertura, que ocorrerá no dia 2 de março, às 11h, terá como tema \"Os impactos empresariais para o setor de saúde no cenário pós-pandemia\" e visa abordar os impactos das transformações e os caminhos que estão sendo traçados, um ano depois do início da maior crise sanitária mundial. \"Esse é um tema crucial, pois a pandemia trouxe à tona fragilidades do sistema de saúde, ao mesmo tempo em que salientou sua importância social e à necessidade de adoção de novos processos e tecnologias\", diz Morán, que será o mediador da conversa com Gonzalo Mecina Neto, médico sanitarista, professor da Universidade de São Paulo (USP) e ex-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), entre outros convidados.
No mesmo dia, às 18h, ocorrerá a palestra \"Os desafios e benefícios da interoperabilidade para a saúde\", na qual será discutida como a capacidade de integração de sistemas de informação e aplicativos de software - promovendo a troca de dados - traz uma visão integral da saúde, sob perspectiva mais ampla da assistência, objetivando maior eficiência. Isso porque a everis acredita que a interoperabilidade também envolve desafios a serem superados, como a necessidade de comprometimento dos agentes em consolidar essa transparência, a realização de investimentos e a escolha de soluções que garantam a padronização, além da importantíssima segurança de dados. \"As informações sensíveis da área de saúde devem ser protegidas contra vazamentos e acessos não autorizados. Por isso, é indispensável uma discussão consistente de todos os elos envolvidos\", reforça Morán. Nessa conversa participarão Kátia Galvane, diretora de Health da everis Brasil, Ricardo Constantino, sócio da everis responsável pela Área de Saúde e Setor Público em Portugal, e Juan Martín Gomez, diretor geral de Sistemas de Gestão Hospitalar, do Ministério da Saúde, Província de Córdoba, na Argentina.
No dia 3 de março, a primeira palestra, às 11h, será \"Desafios de inovação em cuidados críticos\", que pretende motivar a reflexão sobre as prioridades atuais, não somente diante de possíveis novas situações causadas pela pandemia, mas também em relação às tendências que visam a preparação para o futuro do setor, como atendimento mais customizado e humanizado. \"Precisamos conversar sobre organização de atendimentos em cuidados críticos, disponibilidade on-line de dados e telemedicina, assim como o uso de tecnologias como IA e algoritmos preditivos, para aperfeiçoar processos e garantir a cooperação necessária entre o corpo médico e as empresas de tecnologia, bem como para melhor atender aos pacientes e à sociedade\", reforça Morán. Os participantes serão Lluís Blanch, especialista em medicina de cuidado crítico e diretor de Pesquisa & Inovação da Parc Taulí Health Corporation; Francisco Murillo Cabezas, chefe do Serviço de Cuidados Críticos e Emergências do Hospital Universitário Virgen del Rocio; e Calixto Sanches, chefe do Serviço de Anestesiologia e Reanimação do Hospital Geral Universitário de Elda. A mediação será feita por Eduardo Vigil, Medical Information Officer da everis Health e NTT Data Company.
Ocorrerá também no dia 3 de março, às 18h, a palestra \"Usando a tecnologia conversacional IA no gerenciamento de interações complexas de usuários e provedores para benefícios, autorizações e reclamações\", que será moderada por Kumar Srinivas, CTO de Soluções Planejadas de Saúde da NTT DATA, e contará com as participação de Pedro Jávier López, sócio e head de Digital Experience Américas. O intuito é mostrar como o uso de Inteligência Artificial na área de saúde tem ajudado a aprimorar as relações das empresas com seus fornecedores, parceiros e clientes.
No último dia, 4 de março, a primeira palestra, às 11h, será \"Desafios da saúde conectada\", cuja intenção é analisar o cenário de incertezas e rápidas mudanças motivadas pela aplicação de novas tecnologias à saúde, como grande aliada para a realização de diagnósticos e tratamentos mais eficazes, em uma relação de custo-efetividade mais eficiente para toda a cadeia de saúde. A discussão, moderada por Alberto Borrego, sócio global de Saúde da eveirs na Europa, envolverá também as atuais estratégias de inclusão digital, a necessidade de ampliação da capacidade de atendimento e de monitoramento remoto de pacientes. Os participantes serão Antonio Lira, diretor médico da Regional São Paulo de Oncologia da Rede D’OR; e Flávio Bitter, diretor gerente da Bradesco Saúde.
A última palestra da Digital Health Conference será \"Prevenção e saúde populacional: um olhar para o futuro\", que traz uma discussão sobre o conceito de Gestão de Saúde Populacional (GSP), que propõe uma mudança na forma de tratar a saúde coletiva, somando a oferta de assistência médica à implementação de metodologias abrangentes para estratificar riscos e fazer a coleta sistematizada de dados, a fim de obter análises de impacto de determinantes de saúde e conhecer os riscos de parcelas da população. Nessa conversa, Kátia Galvane, da everis, moderará as opiniões de Gentil Jorge, diretor de Estratégia, Parcerias e Mercado na Sharecare; Geraldo Reple Sobrinho, Secretário de Saúde na Prefeitura Municipal de São Bernardo do Campo; Antonio Lira, diretor médico da Regional São Paulo de Oncologia da Rede D’OR; Flávio Bitter, diretor gerente da Bradesco Seguros, e Lídia Almeida Faller, gerente de Programas e Promoção da Saúde da UnitedHealth Group
\"Ao adotar o conceito de GSP, acredito que fica mais fácil conhecer as melhores práticas mundiais para definir ações mais assertivas e humanizadas. Por isso, acredito que ao reunir nesse encontro autoridades no assunto, nós teremos uma visão clara de como a GSP pode integrar e coordenar os componentes da gestão de saúde populacional, respeitando a cultura e o ambiente nos quais a população está inserida\", acredita o sócio da everis global responsável pelo setor de Saúde.



Indique esta notícia:
Seu nome

Seu e-mail

Nome indicado

E-mails dos indicados (separados por vírgulas)

Mensagem (opcional)

Reproduza na caixa de texto, o código anti-spam abaixo



  
Entre em Contato com o responsável pela notícia:
Seu nome

Seu e-mail

Mensagem

Reproduza na caixa de texto, o código anti-spam abaixo



  
Voltar
Agenda

Copyright © 2008 JORNOW. Todos os direitos reservados