JorNow
 
Busca:
Início
Tecnologia
Saúde
Negócios
Variedades
 
Contato
Indique
Incluir Notícia
Imagens em Destaque
Terça-Feira, 21 de Outubro de 2014
 

Limites de Eros, novo livro do selo PSI da Primavera Editorial - 11/06/12

Indique - Contato - Compartilhar:


A ideia da obra Limites de Eros surgiu em um simpósio realizado no IV Congresso Internacional de Psicopatologia Fundamental e X Congresso Brasileiro de Psicopatologia Fundamental – eventos promovidos em 2011 pela Associação Universitária de Pesquisa em Psicopatologia Fundamental (AUPPF). Com a coordenação da professora Marta Rezende Cardoso, o simpósio foi dedicado ao tema "Limites de Eros: desafios da clínica psicanalítica" e contou com as apresentações de trabalho das quatro organizadoras do livro, as professoras Eliane Michelini Marraccini, Maria Helena Fernandes, Marta Rezende Cardoso e Silvana Rabello. Lançado pelo PSI, da Primavera Editorial, Limites de Eros compõe uma coletânea que enfoca distintas situações clínicas nas quais são encontradas limites do trabalho psíquico; o trabalho de Eros. Os artigos contemplam, de forma integrada, elementos teóricos e clínicos relativos a vivências subjetivas que envolvem as dificuldades relacionadas à capacidade de ligação e de representação. A obra será lançada na quinta-feira, 14 de junho, às 18h30, na Livraria da Vila do Shopping Pátio Higienópolis (Avenida Higienópolis, 618).

Em Limites de Eros, a questão é elaborada não somente pelo viés da dinâmica pulsional, mas também da dinâmica das relações objetais e, particularmente, a partir do plano da relação transferencial. Trata-se de explorar diferentes fenômenos que nos interrogam sobre os limites de Eros. Os limites do trabalho psíquico nas configurações subjetivas que parecem marcar a atualidade são objeto de análise em vários textos desta coletânea. Em A face clínica do indivíduo insuficiente, Claudia Amorim Garcia, discute as consequências subjetivas advindas de transformações ocorridas nas últimas décadas na sociedade ocidental. A autora argumenta que o novo conjunto de exigências ideais – centrado nos valores de liberdade, autonomia, iniciativa individual e desempenho competitivo – determinam transformações cruciais nas expressões de sofrimento psíquico.

Eliane Michelini Marraccini mostra, em Sob a sombra de si: um eu em ruína, que um sério adoecimento psíquico de teor depressivo-melancólico pode emergir após situações de perda vividas como devastadoras, levando o sujeito à falência psíquica e a profundo colapso na existência – o que culmina no quadro clínico denominado pela especialista como “eu em ruína”. Elisa Maria de Ulhôa Cintra, autora de Os limites de Eros na melancolia e no luto, tem por inspiração “Luto e melancolia”, de Sigmund Freud. Flávio Carvalho Ferraz, em A Psicossomática no espectro da psicopatologia psicanalítica, trata do estatuto do corpo em psicanálise, partindo do conceito de neurose atual.

Maria Helena Fernandes, em Mãe e filha... uma relação tão delicada, debruça-se sobre a anorexia. A autora nos confronta com a questão do corpo – e nos coloca diante da especificidade dos processos da adolescência, particularmente em relação às meninas. Inspirada no texto “Responsabilidade e Resposta”, de Jean Laplanche (1994), Maria Teresa de Melo Carvalho – autora de Responsabilidade e resposta no crime de abuso sexual – nos oferece uma reflexão pela qual busca compreender e elaborar a noção de responsabilidade a partir da teoria psicanalítica, analisando-a, inicialmente, em relação ao conceito de narcisismo. Em seguida, ilustra as conclusões dessa análise com dois casos de crianças vítimas de abuso sexual. A singularidade da técnica na clínica dos estados limites constitui o foco central do artigo Construções e figurabilidade em análise: vias de abertura à representação?, de Marta Rezende Cardoso e Raquel Del Giudice Monteiro. Supondo a presença de uma dimensão traumática na base dos estados limites, o recurso à construção parece ter especial importância na clínica desses casos por ser um dispositivo técnico que favorece o processo de inscrição das marcas traumáticas.

Em A sexualidade ampliada no sentido freudiano: breves considerações sobre Psicanálise e Direito, Paulo de Carvalho Ribeiro sublinha que há muito a psicanálise vem sendo confrontada com a necessidade de responder em termos teóricos e clínicos a uma série de manifestações do sofrimento psíquico que não encontram lugar entre as formas clássicas de neurose, de psicose ou perversão. Em Morrer em análise, Rubens Marcelo Volich nos convida a refletir sobre os limites de qualquer processo terapêutico e de uma análise em particular. Neste trabalho, são analisados os efeitos das situações de sofrimento, algumas vezes extremas, no processo psicanalítico. Silvana Rabello, em Sobre as bordas na clínica com as psicoses e na construção dos objetos no laço mãe-bebê”, sustenta que na clínica dedicada às psicoses – no adulto e na criança – um determinado laço de caráter peculiar é encontrado entre mães e filhos. Este laço se define pela ausência das bordas necessárias para que sejam configuradas as dimensões da alteridade, fundamentais à subjetividade.

O livro lançado pela Primavera Editorial integra o selo PSI, dedicado à publicação de obras técnicas que oferecem aos leitores – das áreas de Psicologia e Psicanálise – a possibilidade de crescimento, reflexão e aprendizado continuado.

* Press release elaborado com base em texto elaborado pela psicóloga Marta Rezende Cardoso, publicado no abre do livro Limites de Eros.



ARTIGOS

• A face clínica do indivíduo insuficiente, Claudia Amorim Garcia
• Sob a sombra de si: um eu em ruína, Eliane Michelini Marraccini
• Os limites de Eros na melancolia e no luto, Elisa Maria de Ulhôa Cintra
• A Psicossomática no espectro da Psicopatologia Psicanalítica, Flávio Carvalho Ferraz
• Mãe e filha... uma relação tão delicada, Maria Helena Fernandes
• Responsabilidade e resposta no crime de abuso sexual, Maria Teresa de Melo Carvalho
• Construções e figurabilidade em análise: vias de abertura à representação?, Marta Rezende Cardoso e Raquel del Giudice Monteiro
• A sexualidade ampliada no sentido freudiano: breves considerações sobre Psicanálise e Direito, Paulo de Carvalho Ribeiro
• Morrer em análise, Rubens Marcelo Volich
• Sobre as bordas na clínica com as psicoses e na construção dos objetos no laço mãe-bebê, Silvana Rabello

FICHA TÉCNICA

Categoria: Psicologia
Formato: 16,0 x 23,0 cm
Páginas: 224
Acabamento: brochura
ISBN: 978-85- 61977- 34- 4
Preço sugerido: R$ 45,00

AUTORES

Claudia Amorim Garcia é psicanalista e PhD pelo Wright Institute de Berkeley, California. Atualmente exerce o cargo de professora-associada do Departamento de Psicologia da Universidade Católica do Rio de Janeiro, onde integra o corpo docente da pós-graduação. É também membro efetivo do Círculo Psicanalítico do Rio de Janeiro desde 1992. A especialista integra o GT Sofrimento Psíquico, processos de subjetivação e clínica ampliada da ANPEPP; é coautora do livro Entre eu e o outro: espaços fronteiriços, tendo recentemente organizado com Marta Rezende
Cardoso, a coletânea Limites da clínica. Clínica dos limites.

Eliane Michelini Marraccini é psicóloga, psicanalista, mestre e doutora em Psicologia Clínica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP); professora e supervisora do curso Formação em Psicanálise do Departamento Formação em Psicanálise do Instituto Sedes Sapientiae (São Paulo); membro da Associação Universitária de Pesquisa em Psicopatologia Fundamental. Dedica-se ao trabalho de consultório, grupos de estudo e supervisões clínicas. É autora do livro Encontro de mulheres: uma experiência criativa no meio da vida (Casa do Psicólogo, 2001) baseado em sua dissertação de mestrado; foi organizadora da coletânea O eu em ruína: perda e falência psíquica (Primavera Editorial, 2010) baseada no tema de sua tese de doutorado; é autora de trabalhos publicados em diversos periódicos e coletâneas científicas.

Elisa Maria de Ulhôa Cintra é psicanalista e professora na graduação em Psicologia e no programa de pós-graduação em Psicologia Clínica da Pontifícia Universidade Católica (PUC-SP). Escreveu um mestrado sobre as Raízes do pensamento de Melanie Klein e um doutorado com o título A pulsão de morte e narcisismo absoluto: estudo psicanalítico da depressão. Dedica-se ao trabalho de consultório, supervisões e orientação de pesquisas de Psicanálise na interface com obras literárias e filmes. Desenvolve um projeto de pesquisa voltado à “reação terapêutica negativa” e às situações limite a partir da clínica e da obra de Klein, Winnicott, Britton, Ogden, Bollas e Caper. Publicou o livro Melanie Klein: estilo e pensamento em coautoria com Luis Claudio Figueiredo (Escuta,2004). Organizou o livro O corpo, o Eu e o Outro (Dimensão, 2006). Escreve em vários periódicos e participa de coletâneas, entre elas: Lendo André Green: o trabalho do negativo e o paciente limite (Escuta, 2004); O eu em ruínas no documentário Estamina, in: O eu em ruína: perda e falência psíquica (Primavera Editorial, 2010).

Flávio Carvalho Ferraz é membro do Departamento de Psicanálise do Instituto Sedes Sapientiae (São Paulo) e professor do Curso de Psicanálise deste instituto. É psicólogo, doutor e livre-docente pelo Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo e autor de diversos livros, entre os quais Tempo e ato na perversão (Casa do Psicólogo, 2005).

Maria Helena Fernandes é psicanalista, doutora em Psicanálise e Psicopatologia pela Universidade de Paris VII, com pós-doutoramento pelo Departamento de Psiquiatria da UNIFESP. É professora do Curso de Psicossomática do Instituto Sedes Sapientiae
e autora dos livros L´hypocondrie du rêve et le silence des organes: une clinique psychanalytique du somatique (Presses Universitaires du Septentrion, 1999); Corpo (Casa do Psicólogo, 2003); e Transtornos alimentares: anorexia e bulimia (Casa do Psicólogo, 2006).


Maria Teresa de Melo Carvalho graduou-se em Psicologia pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) em 1982, tendo iniciado, logo em seguida, a Especialização em Psicoterapias contemporâneas: tendências metodológicas históricas e clínicas também pela UFMG. Realizou seu doutorado na Universidade de Paris VII com a orientação de Jean Laplanche. Defendeu tese sobre Paul Federn e a teoria do Eu em Psicanálise, que foi publicada Presses Universitaires de France, em 1996, sob o título Paul Federn – une autre voie pour la théorie du moi. Atualmente é professora do curso de especialização em teoria Psicanalítica da UFMG; seus principais trabalhos de pesquisa inserem-se em duas linhas: metapsicologia freudiana e clínica psicanalítica da criança.

Marta Rezende Cardoso é graduada em Psicologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RIO); realizou o curso de especialização em Psicologia Clínica assim como o mestrado nessa mesma instituição. Possui formação em Psicanálise pela Sociedade de Psicanálise da Cidade do Rio de Janeiro (SPCRJ). Realizou seu doutoramento na França, na Université de Paris 7, sob a orientação de Jean Laplanche. É professora-associada do IP da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); pesquisadora do CNPq (bolsa de produtividade em pesquisa); e membro da Associação Universitária de Pesquisa em Psicopatologia Fundamental. Possui vários artigos publicados em periódicos e coletâneas; é autora do livro Superego (Editora Escuta, 2002); coautora de Entre o eu e o outro: espaços fronteiriços (Editora Juruá, 2010). Organizou com Claudia de Amorim Garcia a coletânea Limites da Clínica. Clínica dos limites (Editora Companhia de Freud/Faperj, 2011).

Paulo de Carvalho Ribeiro formou-se em medicina na Universidade Federal de Mina Gerais (UFMG); realizou o doutorado em Psicanálise e Psicopatologia na Universidade Paris 7; e pós-doutorado na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). É psicanalista, professor do Programa de Pós-Graduação em Psicologia da UFMG, autor dos livros O problema da identificação em Freud ( Editora Escuta, 2000) e Imitação, seu lugar na psicanálise (Casa do Psicólogo, 2011). Possui vários artigos publicados em revistas especializadas.

Raquel Rubim Del Giudice Monteiro é psicóloga, mestre em Teoria Psicanalítica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e ex-bolsista do CAPES. É membro da equipe de pesquisa da professora Marta Rezende Cardoso.

Rubens Marcelo Volich é psicanalista. Doutor pela Universidade de Paris VII – Denis Diderot, é professor do curso Psicossomática Psicanalítica, ministrado pelo Instituto Sedes Sapientiae. É autor de Psicossomática psicanalítica – de Hipócrates à Psicanálise; Impasses da alma, desafios do corpo (Casa do Psicólogo, 2000 e 2002); Segredos de Mulher, Diálogos entre um ginecologista e um psicanalista, em coautoria com Alexandre Faisal (Atheneu, 2010). É organizador dos quatro volumes da série Psicossoma (Casa do Psicólogo). E-mail: volichrm@dialdata.com.br

Silvana Rabello é psicanalista, graduada em psicologia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), com mestrado em Educação – Distúrbios da Comunicação – e doutorado em Psicologia Clínica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). É assistente-doutora da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo no Departamento de Psicologia do Desenvolvimento e membro da Associação Universitária de Pesquisa em Psicopatologia Fundamental. Coordena o
Projeto Espaço Palavra (aprimoramento clínico institucional na área do autismo e psicose) e coordena o curso de pós-graduação Lato Sensu em Teoria Psicanalítica (PUC-SP). Coordena um grupo de pesquisadores atuando no campo da Detecção Precoce de Psicopatologias Graves.



PRIMAVERA EDITORIAL

Com a proposta de ser uma “butique de livros”, a Primavera Editorial estimula o hábito da leitura com conteúdos prazerosos, inteligentes e instrutivos. Investir em novos autores nacionais e estrangeiros tem sido uma das estratégias adotadas pela editora. Com diferentes linhas editoriais como romances históricos e sociais, ficção brasileira e estrangeira e policiais, as obras editadas são associadas à inovação e ao pioneirismo dos conteúdos, além da qualidade da produção gráfica.

As obras de ficção oferecem a possibilidade de “viver emoções” que não fazem parte do “enredo” cotidiano dos leitores; os livros publicados pelos selos EDU, BIZ e PSI são instrumentos de aprimoramento pessoal e profissional. A Primavera Editorial é presidida por Lourdes Magalhães. http://www.primaveraeditorial.com.br



MAIS INFORMAÇÕES PARA A IMPRENSA
Printec Comunicação http://www.printeccomunicacao.com.br
Visite a página da Printec Comunicação no Facebook
Betânia Lins betania.lins@printeccomunicacao.com.br
Vanessa Giacometti de Godoy vanessa.godoy@printeccomunicacao.com.br
Tel: +55 11 5182 1806





Fonte da notícia
Empresa:Camila Ribeiro  
Contato:Camila Ribeiro  
Telefone:011-51821806-

Indique esta notícia:
Seu nome

Seu e-mail

Nome indicado

E-mails dos indicados (separados por vírgulas)

Mensagem (opcional)

Reproduza na caixa de texto, o código anti-spam abaixo



  
Entre em Contato com o responsável pela notícia:
Seu nome

Seu e-mail

Mensagem

Reproduza na caixa de texto, o código anti-spam abaixo



  
Voltar

Copyright © 2008 JORNOW. Todos os direitos reservados

 
 

Agenda

 

Porto Alegre

22/10/2014
Oficina Cuidando do seu Bebê é oferecida pela Unimed Porto Alegre

Araxá

22/10/2014
TAUÁ GRANDE HOTEL E TERMAS DE ARAXÁ REALIZA EVENTO PARA CASAIS

Rio de Janeiro

23/10/2014
Negócios - O que a Lei Anticorrupção muda nas empresas? Compliance & Auditoria

São Paulo

23/10/2014
Affero Lab realiza evento que discute tendências, inovações e futuro do RH e da educação corporativa

Rio de Janeiro

23/10/2014
Gestão Empresarial - Lei Anticorrupção, Compliance e Auditoria é tema de workshop no Rio

Salvador

23/10/2014
Editora Òmnira Lança Obras Literárias na Casa de Angola

São Paulo

23/10/2014
Concerto do Coral Mokiti Okada irá arrecadar donativos para instituições assistenciais

Belo Horizonte

24/10/2014
Competências para o mercado é tema de palestra em Belo Horizonte

Curitiba

24/10/2014
Curitiba recebe 10º Seminário de Cosmetologia & Nutrição Consulfarma

Curitiba

24/10/2014
Movimento em prol da qualidade de vida do trabalhador

São Paulo

28/10/2014
Tudo que o empreendedor precisa saber para adotar a venda direta como seu negócio

Bauru

29/10/2014
Excelência no atendimento ao cliente

Campinas

29/10/2014
Shopping Jaraguá Conceição promove campanha de doação de cabelos com cortes gratuitos

Curitiba

30/10/2014
Simpósio de Sucessão Familiar

Belo Horizonte

31/10/2014
Bazar 1 ano da Atele com descontos especiais